Vida Paleo: O Testemunho da Vera Santos [Dos 110kg aos 76kg!]

Apresento-vos a transformação incrível da Vera Santos: graças ao estilo de vida Paleo, em apenas 6 meses passou dos 110kg para os 85kg. Atualmente, tem 76kg. A Vera chegou a estar inválida 4 meses, não se conseguindo vestir sozinha… Com a mudança de vida, conseguiu começar a correr 10km por dia!

Hoje partilha connosco a sua história de sucesso: as razões que a levaram a mudar de vida; os ganhos que sentiu; descreve-nos as suas refeições habituais; que exercício físico faz e, ainda, deixa alguns conselhos para quem vai começar!

1) Quais as razões que a levaram a iniciar este estilo de vida?

Eu iniciei este estilo de vida por mero acaso. Uma amiga minha meteu-me no grupo PALEO DESCOMPLICADO após saber que a minha coluna gritava por socorro. Eu já estava decidida a passar fome se preciso fosse…

Para que fique perceptível a todos, eu tenho duas hérnias e uma lesão na sacro ilíaca. Sofria dores horríveis e cheguei mesmo a ficar uma inválida durante 4 meses! 4 meses em que não fui autónoma sequer para me conseguir vestir.

A minha maior motivação chegou quando o Neurologista me disse que eu tinha que ser operada

Eu obesa com quase 110kg, colesterol extremamente elevado, distúrbios alimentares e propicia a ser diabética porque trago na bagagem todas as heranças de família… o meu Avô morreu diabético com ambas as pernas amputadas… a minha mãe é obesa e diabética…

2) Quais foram as maiores dificuldades que sentiu?

Depois da odisseia inicial de muita leitura, milhentos ficheiros guardados, a dificuldade foi ZERO! Toda eu absorvia informação e buscava mais a toda a hora. Comprei livros e estudei!

Lembro-me de pensar “mas é tão fácil! Como não descobri isto antes??”

3) Podia descrever-me os ganhos que teve na sua saúde? 

A perda de peso foi então a doce consequência da minha aprendizagem. Vi-a os furos do cinto a entrarem em contagem decrescente e era um fascínio para mim poder fazer comparações!

  • Passei dos 110kg aos 85kg num espaço de 6 meses e daí em diante embora de forma mais lenta, continuei a perder peso.
  • Cheguei aos 72 e foi quando iniciei por minha própria iniciativa, a corrida em estrada. Em dias de inverno gélido, as 7h da manhã eu a entravada, corria 10km a congelar os dedos e o pingo no nariz!
  • E nestes entretantos, as dores foram diminuído e dando lugar a uma auto-estima fenomenal!!

4) O que costuma comer habitualmente? Se possível descreva-me um dia seu de refeições, de modo a servir de exemplo para outras pessoas.

As refeições do meu dia-a-dia são do mais simples que há!

  • Uns ovinhos mexidos ao pequeno-almoço e alguma fruta.
  • Ao almoço uma carne ou peixe grelhado, frito ou assado, é indiferente e sempre com verdes. Sejam em forma de salada ou salteados em azeite e alho.
  • Ao jantar vai mais do mesmo estilo do almoço e preferencialmente até ficar saciada.
  • Ah e não posso deixar de salientar que na minha fase inicial da Paleo eu cá comia era torresmos ao pequeno-almoço!

5) Faz alguma atividade física? Se sim, que exercício físico faz?

Hoje em dia peso 76kg, faço ginásio há alguns meses.

Comecei por fazer treinos adaptados ao meu corpo e ao meu problema de saúde.

Desde então que só tenho evoluído e hoje pratico CrossFit todos os dias as 7h da manhã.

6) Que conselhos daria a quem vai começar este estilo de vida?

  • A pressa é inimiga da perfeição! Se entrarem pela restrição absoluta de tudo, vão cair e em cada tentativa de levantarem vão sofrer ainda mais. Eu não restringi nada, eu adaptei.
  • Dei tudo o que não me interessava do que estava dentro da dispensa e fui comprando aos poucos todo o resto para poder usar no meu dia-a-dia.
  • Faço pão e panquecas, doces e docinhos! Tudo sem açúcares refinados ou farinha de trigo.
  • O paladar educa-se e eu aprendo todos os dias sempre mais um pouco.

32 meses de mudança ️

Sejam Saudáveis, Sejam Felizes
Suzana Cardoso

 

2 thoughts on “Vida Paleo: O Testemunho da Vera Santos [Dos 110kg aos 76kg!]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.